Serviço Social

O CURSO

O bacharel em Serviço Social é um profissional que atua no trato da questão social, formulando e implementando propostas para seu enfrentamento, por meio de políticas sociais públicas, empresariais, de organizações da sociedade civil e movimentos sociais. É dotado de formação intelectual e cultural generalista crítica, competente em sua área de desempenho, com capacidade de inserção criativa e propositiva, no conjunto das relações sociais e no mercado de trabalho. Desenvolve trabalho coletivo e comprometido com os valores e princípios da ética, dos direitos humanos e do Código de ética da profissão.

Suas principais características são: Criticidade (habilidade de analisar as relações sociais nas quais se insere seu fazer profissional de modo a decifrar sua historicidade e contradições da sociedade); Competência Teórica (ter amplo conhecimento das ciências sociais, de vertentes filosóficas contemporâneas); Competência Política (saber posicionar-se profissional e politicamente nos espaços sócios-institucionais); Competência Técnica (saber fazer com eficiência mediante amplo conhecimento dos instrumentos, técnicas e práticas profissionais); e Compromisso Social (com transformações da sociedade e emancipação humana).

O Assistente Social desenvolve suas atividades, predominantemente, junto aos segmentos sociais pauperizados, no sentido de garantir o acesso aos direitos sociais. Seu trabalho consiste no desenvolvimento de pesquisas, planejamento, organização e gestão dos serviços sociais; na assessoria aos programas ou projetos de caráter sócio-educativo; na produção de conhecimentos acerca da realidade social nos vários campos nos quais atua; na gestão de políticas de pessoal em empresas, sindicatos, instituições ou organizações públicas e privadas e nos movimentos sociais. Diante do exposto pretendemos formar profissionais críticos, criativos e comprometidos, permitindo a estes a compreensão da questão social, elaboração de propostas, bem como o domínio de um conjunto de métodos e técnicas de ação nesses processos sociais.

Objetivo Geral

 O Curso de Graduação em Serviço Social objetiva garantir uma formação abrangente que articule ensino, pesquisa e extensão, e que possibilite a capacitação teórico-metodológica, ético-política e técnico-operativa do Assistente Social; além de qualificar, permanentemente, o corpo discente, de forma que este compreenda a complexidade da sociedade moderna e responda, com competência teórico-prática, a essa complexidade.

Objetivos Específicos

  1. Instrumentalizar o aluno na elaboração de análises críticas dos determinantes estruturais e conjunturais, condicionantes da prática profissional, e na construção de investigações e competentes respostas profissionais às questões formuladas.
  2. Possibilitar o intercâmbio entre o Curso de Graduação em Serviço Social e as instâncias de prática profissional, garantindo-se qualificação eficaz ante as diferentes configurações que vão conformando a questão social na contemporaneidade.
  3. Capacitar profissionais vinculados à prestação dos serviços sociais na compreensão dos diferentes processos e dimensões da realidade nacional e regional para contribuir na implementação e execução de políticas sociais.
  4. Desenvolver os conteúdos, as competências e habilidades fundamentais à formação profissional e acadêmica.
  5. Articular atividades teóricas e práticas desde o início do curso, permeando toda a formação do Assistente Social, de forma integrada e interdisciplinar.
  6.  
  7. Implementar metodologia no processo ensinar-aprender que estimule o aluno a refletir sobre a realidade social e aprenda a aprender.
  8. Estimular as dinâmicas de trabalho em grupos, por favorecerem a discussão coletiva e as relações interpessoais.
  9. Disponibilizar tempo para a consolidação dos conhecimentos e para as atividades complementares objetivando progressiva autonomia intelectual do aluno.
  10. Desenvolver atitude investigativa que favoreça o processo contínuo de construção do conhecimento, por meio da pesquisa e da extensão.

Competências e Habilidades Específicas

A formação profissional deve viabilizar uma capacitação teórico-metodológica e ético-política, como requisito fundamental para o exercício de atividades técnico-operativas, com vistas à apreensão crítica dos processos sociais numa perspectiva de totalidade; análise do movimento histórico da sociedade brasileira, apreendendo as particularidades do desenvolvimento do capitalismo no país; compreensão do significado social da profissão e de seu desenvolvimento sócio-histórico, nos cenários internacional e nacional, desvelando as possibilidades de ação contidas na realidade; identificação das demandas presentes na sociedade, visando formular respostas profissionais para o enfrentamento da questão social, considerando as novas articulações entre o público e o privado.

Estes elementos estão em consonância com as determinações da Lei nº 8662 de 7 de junho de 1993, que regulamenta a profissão do assistente social e com as diretrizes curriculares para os cursos de Serviço Social (Resolução nº 15/2002) e estabelece as seguintes competências e habilidades técnico-operativas:

  • Formular e executar políticas sociais em órgãos da administração pública, empresas e organizações da sociedade civil;
  • Elaborar, executar e avaliar planos, programas e projetos na área social;
  • Contribuir e viabilizar a participação dos usuários nas decisões institucionais;
  • Planejar, organizar e administrar benefícios e serviços sociais;
  • Realizar pesquisas que subsidiem formulação de políticas e ações profissionais;
  • Prestar assessoria e consultoria a órgãos da administração pública, empresas privadas e movimentos sociais em matéria relacionada às políticas sociais e à garantia dos direitos civis, políticos e sociais da coletividade;
  • Orientar a população na identificação de recursos para atendimento e defesa de seus direitos;
  • Realizar estudos sócio-econômicos para identificação de demandas e necessidades sociais;
  • Realizar visitas, perícias técnicas, laudos, informações e pareceres sobre matéria de serviço social.

Mercado de Trabalho

A profissão de Assistente Social encontra-se regulamentada pela Lei nº 8.662, de 07 de junho de 1993.

De acordo com o artigo 4º da Lei nº 8.662/1993 constituem competências do Assistente Social:

I – elaborar, implementar, executar e avaliar políticas sociais junto a órgãos da administração pública, direta ou indireta, empresas, entidades e organizações populares;

II – elaborar, coordenar, executar e avaliar planos, programas e projetos que sejam do âmbito de atuação do Serviço Social com participação da sociedade civil;

III – encaminhar providências, e prestar orientação social a indivíduos, grupos e à população;

IV – (Vetado);

V – orientar indivíduos e grupos de diferentes segmentos sociais no sentido de identificar recursos e de fazer uso dos mesmos no atendimento e na defesa de seus direitos;

VI – planejar, organizar e administrar benefícios e Serviços Sociais;

VII – planejar, executar e avaliar pesquisas que possam contribuir para a análise da realidade social e para subsidiar ações profissionais;

VIII – prestar assessoria e consultoria a órgãos da administração pública direta e indireta, empresas privadas e outras entidades, com relação às matérias relacionadas no inciso II deste artigo;

IX – prestar assessoria e apoio aos movimentos sociais em matéria relacionada às políticas sociais, no exercício e na defesa dos direitos civis, políticos e sociais da coletividade;

X – planejamento, organização e administração de Serviços Sociais e de Unidade de Serviço Social;

XI – realizar estudos sócio-econômicos com os usuários para fins de benefícios e serviços sociais junto a órgãos da administração pública direta e indireta, empresas privadas e outras entidades.

O artigo 5º da Lei nº 8.662/1993 estabelece que constituem atribuições privativas do Assistente Social:

I – coordenar, elaborar, executar, supervisionar e avaliar estudos, pesquisas, planos, programas e projetos na área de Serviço Social;

II – planejar, organizar e administrar programas e projetos em Unidade de Serviço Social;

III – assessoria e consultoria e órgãos da Administração Pública direta e indireta, empresas privadas e outras entidades, em matéria de Serviço Social;

IV – realizar vistorias, perícias técnicas, laudos periciais, informações e pareceres sobre a matéria de Serviço Social;

V – assumir, no magistério de Serviço Social tanto em nível de graduação como pós-graduação, disciplinas e funções que exijam conhecimentos próprios e adquiridos em curso de formação regular;

VI – treinamento, avaliação e supervisão direta de estagiários de Serviço Social;

VII – dirigir e coordenar Unidades de Ensino e Cursos de Serviço Social, de graduação e pós-graduação;

VIII – dirigir e coordenar associações, núcleos, centros de estudo e de pesquisa em Serviço Social;

IX – elaborar provas, presidir e compor bancas de exames e comissões julgadoras de concursos ou outras formas de seleção para Assistentes Sociais, ou onde sejam aferidos conhecimentos inerentes ao Serviço Social;

X – coordenar seminários, encontros, congressos e eventos assemelhados sobre assuntos de Serviço Social;

XI – fiscalizar o exercício profissional através dos Conselhos Federal e Regionais;

XII – dirigir serviços técnicos de Serviço Social em entidades públicas ou privadas;

XIII – ocupar cargos e funções de direção e fiscalização da gestão financeira em órgãos e entidades representativas da categoria profissional.

Os campos de atuação do Assistente Social estão localizados nas instituições públicas e privadas que prestam serviços nas mais diversas áreas: criança, idoso, doentes, portadores de deficiências, entre outras. O Assistente Social pode trabalhar também em empresas produtivas, fundações empresariais, Organizações não Governamentais (ONGs), prestando assessorias e consultorias a grupos e movimentos.

Reconhecimento de Curso Portaria n° 515 de 15/10/2013.
D.O.U. 16/10/2013.

Sonilde Saraiva Januário

Coordenador do Curso de Serviço Social

PROFESSORESEMAILCURRÍCULO
ALINE JAMYLLI DE SOUZA PINHEIROCURRÍCULO
DANIELA NUNES DE JESUSCURRÍCULO
EMMANUEL TEIXEIRA PINHEIROCURRÍCULO
IASMINE SARAIVA DE SOUSACURRÍCULO
JOSUÉ BARROS JUNIORCURRÍCULO
LAIS ALMEIDA DE SOUSACURRÍCULO
LUCIANA MARIA LOBO BARBOSACURRÍCULO
MARIA SIMONE ARAUJO FIGUEIREDO CURRÍCULO
RAQUEL ALENCAR LOURENÇOCURRÍCULO
VIVIANE CORREIA DO PRADO FERREIRACURRÍCULO
WERIDIANA DE ALENCAR MATOSCURRÍCULO

NOTÍCIAS

VENHA PARA O MUNDO FVS

COMO INGRESSAR NA FVS?

VESTIBULAR

GRADUADOS/ENEM

GRADUADOS/TRANSFERIDOS